quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

“Consagre ao Senhor tudo o que você faz, e os seus planos serão bem-sucedidos.” (Provérbios 16. 3 – NVI)


Série sabedoria dos provérbios (Por André Sanchez)

Planos, sucesso, Senhor, Fidelidade“Consagre ao Senhor tudo o que você faz, e os seus planos serão bem-sucedidos.” (Provérbios 16. 3 – NVI)
Todos nós temos planos e sonhos para as nossas vidas. Todos nós queremos que eles se realizem de forma que nos beneficiem e nos façam felizes. Alguns sonham junto com Deus, outros têm seus sonhos totalmente à parte de Deus. Cada um tem a liberdade de conduzir os seus sonhos da forma que acha melhor. No entanto, a palavra de Deus sempre nos dará a direção correta na condução de toda a nossa vida, inclusive dos nossos planos e sonhos.
O provérbio citado no inicio do artigo começa falando: “Consagre ao Senhor tudo o que você faz”. Consagrar significa dedicar a Deus tudo que fazemos e o que pretendemos fazer. É participar Deus de tudo, entregar tudo a Ele, submeter tudo à Sua vontade, estar pronto a fazer com que tudo que aconteça ou que conquistemos seja para honrar o nome de Deus. Consagrar é confiarmos que Deus está na direção de tudo e fazermos a nossa parte, agradando-O. Isso é consagrar.
O provérbio nos garante que agindo assim os nossos planos serão bem-sucedidos. Um plano bem-sucedido é um plano que dá certo. No entanto, esse conceito de “dar certo” deve estar bem entendido em nossa mente. Para o servo de Deus o plano que dá certo é aquele que é conduzido exatamente na vontade de Deus, e nem sempre a vontade de Deus “bate” com a nossa vontade. Isso pode fazer com que um plano que, aparentemente, aos olhos das pessoas e até aos nossos, não tenha dado certo, na verdade, tenha sido sim bem-sucedido!
Para o mundo, o plano que é bem-sucedido é aquele que consegue sucesso, que acontece segundo seus idealizadores desejam, independente se Deus foi glorificado ou não. Porém, para o que consagra tudo a Deus, o conceito de bem-sucedido é outro.
O servo de Deus sempre faz a sua parte e fica sensível ao que Deus lhe mostra. Agindo assim, todos os nossos planos serão bem-sucedidos, ainda que em sua formatação final as coisas não tenham saído como desejou o nosso coração. A garantia disso vem de Deus. Para muitos a morte de Jesus na cruz não foi algo bem-sucedido. Alguns olhavam para Jesus e o desafiavam a descer da cruz e salvar-se a si mesmo. Para eles, isso seria “Jesus ser bem-sucedido”. Porém, sabemos que foi sim bem-sucedida a morte na cruz, pois atendeu a todo o desejo de Deus, a toda a Sua vontade.
Fazer a vontade de Deus e consagrar tudo a Ele é a garantia de que tudo dará certo! E tudo dará certo quando Deus disser: Deu certo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário